Breve história sobre o Atari 2600.

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Breve história sobre o Atari 2600.

Mensagem por Kolgrim em Sex Mar 25, 2016 4:08 pm


Nos anos 70, muitas máquinas de jogos estavam em alta, e de olho nesse mercado Nolan Bushnell viu uma oportunidade de ganho nesse mercado. Junto com seu amigo Ted Dabney criaram o fliperama Pong, que basicamente era um jogo de tênis que tinham suas barras verticais que ficavam rebatendo um cubo (bola). Você poderia jogar contra o computador ou com outro jogador. Apesar de bem simples, fez grande sucesso durante aqueles anos.
Para se produzir um equipamento desses, era preciso montar um console inteiro com um monitor voltado totalmente para um único jogo.


Pensando numa outra forma de ganhar dinheiro com os jogos eletrônicos, Bushnell pensou em criar um console de jogos que você ligaria na TV, e poderia levar os jogos mais conhecidos dos fliperamas para a tela da TV dos norte-americanos, sem precisar montar um console inteiro para um único jogo, mas sim um equipamento que você só trocaria os jogos através de cartuchos, com isso nascia o Atari 2600.
Foi um tremendo sucesso de vendas, toda criança americana queria ter um Atari em casa, chegando a marca de 30 milhões de aparelhos vendidos.


Mas nem tudo são glórias, quando a Atari estava no auge, Nolan Bushnell vende a empresa para a Warner dando início ao seu declínio.
Começaram a ser lançados muitos jogos sem nenhuma qualidade, acreditando que qualquer coisa seria consumida, e as vendas do aparelho e dos jogos começaram a cair. As crianças começaram a ter pavor dos jogos, achando tudo sem graça e não desejando mais o produto. Como não se tinha controle das empresas que fabricavam jogos, começaram a surgir jogos bastante estranhos como o Custer´s Revenge, que é um Cowboy que fica fugindo de flechas para alcançar uma índia, que está amarrada para estuprá-la.


A última pá de terra no console foi o jogo ET o extraterrestre, que estava sendo produzido para o lançamento junto com o filme, sendo investindo uma verdadeira fortuna para ter os direitos da produção do jogo. No início o jogo vendeu muito bem, mas com o tempo as pessoas foram devolvendo os jogos para as lojas pela baixa qualidade, fazendo a Atari ficar com grande quantidade do jogo em estoque. Tentando esconder a situação da empresa, vários desses cartuchos foram enterrados em Alamogordo, Novo México, mas a noticia acabou chegando na imprensa, mostrando a real situação da empresa, declarando falência em 1983, evento que ficou conhecido como o crash dos vídeo games.


No Brasil


Com a ajuda da Lei Federal nº 7.232/84, a reserva de mercado permitia que as empresas daqui trabalhassem em produtos alternativos de grandes empresas do exterior. Com isso foram lançados vários clones do Atari 2600, como o CCE Vg 3000 e o Milmar Dactar sem sofrer nenhum tipo de pressão com esses lançamentos das empresas no exterior.
Como a Atari nos EUA estava quebrada e com um monte de consoles encalhados, a Polyvox resolveu trazer esses consoles para o Brasil fazendo uma verdadeira revolução por aqui. Finalmente um produto oficial e de qualidade estava entrando nos lares dos brasileiros, pipocavam comerciais sobre o produto na TV, começaram a surgir lojas especializadas, campeonatos dos jogos, videolocadoras com o produto para locação, e por causa dos antigos clones, era fácil encontrar jogos pelo Brasil.


Graças ao lançamento da Atari da Polyvox, essa política de reserva de mercado foi aos poucos perdendo força, com lançamentos futuros de consoles oficiais pelo Brasil como o caso do Master System e Mega Drive.


Pontos positivos a serem destacados.


Com a compra da Atari pela Warner, alguns programadores abandonaram a Atari e criaram a Actvision, que foi responsável por alguns dos melhores jogos do Atari e está no mercado de games até hoje.

River Raid


Um dos jogos mais conhecidos do Atari 2600 foi produzido por uma mulher, Carol Shaw que trabalhava para a Activision. Foi a primeira mulher a ganhar destaque no mundo dos games.

Você tem alguma história com o Atari, ou alguma sugestão a acrescentar? comente!
avatar
Kolgrim
Membro da Família Stark

Mensagens : 167
Data de inscrição : 21/02/2016
Idade : 34
Localização : Betim - Mg

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Breve história sobre o Atari 2600.

Mensagem por netin em Sex Mar 25, 2016 6:51 pm

Sou um retro gamer também mas pra mim o limite é 16bits (era SNES/Mega Drive).
Antes disso não consigo.
avatar
netin
Mestre Jedi

Mensagens : 2450
Data de inscrição : 09/04/2015
Idade : 29
Localização : João Pessoa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Breve história sobre o Atari 2600.

Mensagem por KAMIKAZE em Sex Mar 25, 2016 7:50 pm

Nostalgia...
avatar
KAMIKAZE
Perpétuo

Mensagens : 8427
Data de inscrição : 08/04/2015
Idade : 37
Localização : Brasília - DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Breve história sobre o Atari 2600.

Mensagem por Kolgrim em Sab Mar 26, 2016 12:48 am

netin escreveu:Sou um retro gamer também mas pra mim o limite é 16bits (era SNES/Mega Drive).
Antes disso não consigo.

Entendo perfeitamente! Eu gosto de jogar de tudo, acho muito bom a oportunidade de hoje eu ter como experimentar jogos que eu não tinha condições. Mas pra mim também tem alguns limites, tem alguns jogos da geração 32 bits que eu não consigo jogar mais, como Tekken,kkkkk

KAMIKAZE escreveu:Nostalgia...

Sempre!kkkkk
avatar
Kolgrim
Membro da Família Stark

Mensagens : 167
Data de inscrição : 21/02/2016
Idade : 34
Localização : Betim - Mg

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Breve história sobre o Atari 2600.

Mensagem por Krypton em Dom Mar 27, 2016 9:38 am

Foda...

Tinha o Atari e depois cheguei a ter o Dactar.. Bons tempos...
Fico feliz em saber que tive infância (e muitas vezes, se parar pra pensar, nem saí dela ainda.. Laughing )

_________________
"Não fale bem de mim, irá estragar minha reputação..."
- John Constantine
avatar
Krypton
Fugitivo do programa Arma X

Mensagens : 1636
Data de inscrição : 09/04/2015
Localização : Jaú, SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Breve história sobre o Atari 2600.

Mensagem por Kolgrim em Seg Mar 28, 2016 12:17 pm

Krypton escreveu:Foda...

Tinha o Atari e depois cheguei a ter o Dactar.. Bons tempos...
Fico feliz em saber que tive infância (e muitas vezes, se parar pra pensar, nem saí dela ainda.. Laughing )



as vezes penso assim também!besouro
Meu primeiro console foi um Dactar também! eu acho ele até mais bonito que o Atari 2600,kkk mas infelizmente tive que me desfazer dele.
Esse Atari da foto foi uma amiga de trabalho que acabou soltando que tinha achado na casa dela e estava querendo jogar fora. Peguei ele pra mim e restaurei ele por completo.
avatar
Kolgrim
Membro da Família Stark

Mensagens : 167
Data de inscrição : 21/02/2016
Idade : 34
Localização : Betim - Mg

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Breve história sobre o Atari 2600.

Mensagem por netin em Dom Mar 26, 2017 6:41 pm

Vocês viram aquele relançamento do Atari pela tectoy?

http://www.tectoy.com.br/atari/p/995170011820

Tavam cobrando R$500 e mesmo assim esgotou o 1° lote
avatar
netin
Mestre Jedi

Mensagens : 2450
Data de inscrição : 09/04/2015
Idade : 29
Localização : João Pessoa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Breve história sobre o Atari 2600.

Mensagem por KAMIKAZE em Dom Mar 26, 2017 10:26 pm

Caramba...
avatar
KAMIKAZE
Perpétuo

Mensagens : 8427
Data de inscrição : 08/04/2015
Idade : 37
Localização : Brasília - DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Breve história sobre o Atari 2600.

Mensagem por Kolgrim em Seg Ago 21, 2017 7:06 am

Acho que esse atari custa 60 dólares nos EUA!kkkk Não tenho coragem!
avatar
Kolgrim
Membro da Família Stark

Mensagens : 167
Data de inscrição : 21/02/2016
Idade : 34
Localização : Betim - Mg

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum